O que é constelação familiar?

Postado por em 18/05/2015

Constelação Familiar é um método fenomenológico criado pelo alemão Bert Hellinger, que foi padre e missionário na África por mais de 20 anos, onde trabalhou e observou as tribos zulus e seus comportamentos familiares. Após este período na África, Hellinger deixou de ser padre e dedicou-se a estudos sobre o comportamento e a psique humana, estudou psicanálise, análise transacional, terapia primal etc., até que chegou na técnica das Constelações. 


Hellinger observou que quando um fato forte traumático ocorre dentro de uma família, tal como: suicídio, morte prematura, morte violenta, abandono, falência etc., se pesquisarmos o passado desta mesma família, encontraremos o mesmo fato traumático repetido no passado. É como popularmente se diz "maldição de família", ou mesmo em muitas religiões esta observação também está presente, na vida real, sempre cito um exemplo claro que todo mundo conhece, onde essa repetição pode ser observada, o caso da Família Kennedy. 


É como algo mais forte, ainda que não tenhamos conhecimento do fato ou mesmo que se tente fugir dele, é um ciclo que se repete através de um emaranhado energético onde estão enredados todos os pertencentes àquele sistema familiar.Isso é trabalhado na Constelação, com a finalidade de suavizar estes emaranhados, devolver ao passado o que é dele, honrar nossos antepassados e proteger nossos descendentes. 


A Constelação Familiar não considera a pessoa como um indivíduo único, solto no mundo, ela considera o indivíduo como pertencente a um sistema do qual ele veio, o sistema familiar. Ainda que a pessoa não conheça sua família de origem, ela traz consigo não só os traços físicos, traços de temperamento, dons, como também a bagagem energética pertencente à família, ou seja, não adianta fugir ou negar o sistema familiar do qual pertencemos, ele está em nós, faz parte de nós. 


E quando isso é negado, reprimido ou excluído, é justamente aí que se fazer representar. Isso pode ser observado em muitos casos, inclusive nos casos de adoção mal sucedidos, onde se esconde da criança que ela é adotada, ou onde se reprime que ela fale ou saiba do seu passado, nesses casos, a criança é geralmente bem cuidada e criada, mas de alguma forma, procura ambientes de drogas, roubo, prostituição e fugas de casa, representando o sistema familiar original reprimido. 


Outro fato importante observado por Hellinger e objeto de trabalho da Constelação, são as famílias trianguladas, ou seja, famílias onde o filho assume lugar de pai, a mãe de filha, o pai de filho, ou o filho do genitor faltante etc., qualquer hierarquia familiar que esteja trocada causa extremo peso psicológico sobre os envolvidos, pois é como se a pessoa tivesse que "dar conta" do seu próprio papel e do papel do outro e isso pesa, aumentando a infelicidade do indivíduo e o desequilíbrio familiar. Isso é corrigido pela Constelação de forma simbólica e com uma grande tomada de consciência que geralmente reflete quase imediatamente na vida real. 


A Constelação pode ser feita individualmente ou em grupo, obtendo-se o mesmo resultado nas duas formas, porém a de grupo é mais profunda, como se imaginássemos uma cebola, por exemplo, a individual trabalhará nas camadas mais superficiais da mesma cebola, enquanto a de grupo iria nas camadas mais profundas. 



 

Daniela Ervolino

Psicóloga, Terapeuta de Casais, atende no Rio de Janeiro a crianças, adolescentes e adultos em consultório, e coordena o Grupo Terapêutico "Círculo de Mulheres de Ísis".


 

 

Fonte:https://www.portaleducacao.com.br/psicologia/artigos/11859/o-que-e-constelacao-familiar

 

CONTINUAÇÃO:


Objetivo geral - A Constelação Familiar visa, de forma prática e vivencial, dissolver antigos padrões (conflitos e doenças que se repetem) familiares que de alguma forma impedem o livre fluxo de amor entre os membros da família. Ela atua de forma direta nas questões do sistema familiar, abrindo espaço para uma nova compreensão e cura desses padrões. A solução torna-se possível quando a ordem básica sistêmica é restabelecida, os familiares excluídos voltam a ser respeitados e aceitamos a nossa herança familiar. 


Que problemas a constelação pode ajudar? - A Constelação Familiar pode ajudar em todos os problemas de origem sistêmica (veja os FATOS abaixo para ver quais os que geram questões sistêmicas). Então, desde problemas de relacionamento de casal, com filhos, todos os tipos de vícios, problemas emocionais, dificuldades diversas, até problemas de saúde física podem ser solucionados, compreendidos ou amenizados com a ajuda da Constelação Familiar 

 

O sistema familiar - Bert Hellinger acrescenta que mais de 50% dos nossos problemas são de origem sistêmica. Esse trabalho é, então, uma oportunidade de descobrirmos de que forma continuamos enredados dentro do sistema energético-familiar e que papéis assumimos inconscientemente. Somente encontrando o verdadeiro papel que nos cabe dentro da família, podemos nos sentir livres e resgatar nossa vida com dignidade e totalidade. 

 

Fortalecendo nossas raízes - Nossa família nos fortalece e nos apóia quando conhecemos e nos rendemos às leis ou ordens que regem nosso sistema familiar. Ela nos enfraquece quando essas mesmas ordens são desconhecidas ou desrespeitadas, gerando toda sorte de emaranhamentos ou desequilíbrios familiares. Fazer a sua Constelação Familiar significa trazer força e equilíbrio para você e para todo o seu sistema familiar. 


Fazendo a sua constelação - Fazer uma Constelação Familiar significa, de um modo simples, encontrar soluções para problemas específicos que você está vivendo, ou mesmo, buscar a origem de uma doença de algum membro da família. Desde questões emocionais a acontecimentos trágicos no seio familiar, as Constelações revelam e buscam soluções práticas e simples, trazendo à tona aquilo que é essencial no momento e que muitas vezes foi esquecido ou renegado. 


 As ordens do amor - Este é um convite para trilharmos juntos um caminho de amor e compreensão para dentro das complexidades do nosso sistema familiar. Conhecer as “ordens do amor” é uma meta essencial para evitarmos muitas crises e enfermidades que vivemos em virtude do desconhecimento das leis naturais que regem os nossos sistemas familiares e sociais.


FATOS QUE DENOTAM UM PROBLEMA SISTÊMICO

Dê uma olhada nos fatos abaixo e veja se algum deles aconteceu em sua família.

Se a resposta for sim para um ou mais de um fato, pode denotar que a Constelação Familiar deve, muito provavelmente, ser uma solução para a sua questão ou problema.


Na Constelação Familiar a maioria dos fatos ou eventos que aconteceram dentro da família são importantes. A estrutura da personalidade dos membros família não são relevantes.


- Que fatos relacionados abaixo aconteceram na sua família?

- Na família do seu pai?

- Na família da sua mãe?

- Na família dos seus avós?

- Ou mesmo na família dos seus bisavós?

Morte precoce? Alguém morreu com menos de 25 anos ou - sendo pai ou mãe – com filhos menores de 15 anos. (Abortos também contam!). Mortes durante o parto? Doença e morte durante ou após o parto são especialmente importantes (até mesmo da bisavó).


Suicídio ou tentativa de suicídio?


Crimes? Especialmente assassinato.


Alguém foi enganado no que diz respeito à sua herança?


Alguém foi caluniado ou banido? Repudiado, condenado ou desonrado?


Acontecimentos ou destinos pesados?


Crianças ilegítimas ou crianças que foram abandonadas?


Adoções?


Doenças ou deficiências fortes/pesadas?


Imigrantes?


Os pais tiveram relacionamentos importantes previamente? (Por exemplo, cônjuges, noivos ou primeiros amores).


Então, se algum ou alguns desses fatos acima aconteceram com sua família, é uma indicação bem direta que o seu problema tem origem sistêmica.


E caso você queira solucionar o seu problema, ou de alguém da sua família, você pode nos procurar para fazer a sua Constelação Familiar.


Sobre o autor do site vocevencedor.com.br:


Flávio Souza- Formador de Coaches da International Coaching Community – ICC e Lambent do Brasil - CEO da Você Vencedor Soluções Empresariais


Fonte: http://www.vocevencedor.com.br/artigos/constelacoes-sistemicas/constelacoes-familiares-e-solucoes-sistemicas


paisagem