Autista e TDO: uma grande prova na minha vida!

Sou Ana, mãe da Helen, nossa baixinha tem 11 anos, espectro autista, atraso cognitivo e neuropsicomotor e de linguagem, crises de ausência e o TDO, agora com a puberdade chegando as crises estão muito agudas e perigosas, está muito difícil lidar, ainda mais quando acontece na rua, onde você escuta de pessoas passando: "que mocinha linda não devia agir assim...", ou chega um pastor querendo saber o que ela tem e dando seu parecer (dizendo que o Mal está no corpo dela),..., ou quando acontece dentro do carro, bom nesse não tem o que fazer a não ser imobilizar ela para que não quebre a janela do carro e se corte, não arranque pedaço do banco, mas daí para tirar do carro e entrar em casa é outra disputa, além dos gritos, choro, tenta ficar nua, e outros,... A contenho durante o caminho até entrar em casa, mas ela já é muito forte, usa as pernas, braços e dentes para nos atingir, ou qualquer objeto que encontre em sua frente ou quebra, morde e se fere....  Após a crise chora, pede desculpas e inicia uma brincadeira como se nada tivesse acontecido. Suas postagens tem nos ajudado muito, vou tentar essa dica de explicar a ela o que fez, tinha medo de fazer isso e ela ter outra crise, mas vamos ver no que dá. Obrigada Sandra por você existir, que Deus te abençoe! Ana



paisagem